As “Skin Parties”

educação, escrita, opinião, saúde, sexualidade

Pela imagem,

para a imagem,

através da imagem.

 

As Skin Parties estão aí, disseminando-se já por França. Para a sua concretização são necessários jovens adolescentes com um coração cheio de nadas, cuja auto-estima oscila entre valores quase inexistentes, muito álcool, fantasias delirantes e software digital.

Da imagem para a imagem, procurando fazer renascer os ideais dos anos 60-70, mas sem a dimensão “not war” – desconhecendo mesmo o significado de “make love” –, todos os momentos são registados em vídeo ou fotografia. Segue-se, mais tarde, o momento da partilha, pelas redes sociais, e assim, de parceiro em parceiro, sem importar definir uma identidade sexual, nem muito menos sentir algo para além do prazer sexual. Enquanto isso, a rede aumenta. Como uma teia.

Aos 20 quase nada há a descobrir a não ser o suicídio e outras formas de abismo. Pelo menos, há quem o diga.

Ado et Décadence de la jeunesse Française.

Ado et Décadence de la jeunesse Française.

Hetalia Skins Party by nice-primorsky

Hetalia Skins Party by nice-primorsky

Anúncios

11 thoughts on “As “Skin Parties”

  1. Sublime e Brilhante Amigo:"…As Skin Parties estão aí, disseminando-se já por França. Para a sua concretização são necessários jovens adolescentes com um coração cheio de nadas, cuja auto-estima oscila entre valores negativos, muito álcool, fantasias e software digital…."Sabe, tenho pena delas. Inocentes. Injénuas. Dispostas a tudo por sexo.Inacreditável em plena Idade Contemporânea.O seu Post faz pensar na juventude triste de hoje.Abraço amigo ao seu telento atento.Com admiração constante.penaBem-Haja, para pensar imenso.Excelente.Onde páram os valores e princípios de uma geração que devia pensar e depois agir com bom senso e sobriedade?Sinceramente, penso que há muito a fezer.

    Gostar

  2. Caro Pena,o que ainda me intriga, é que estes adolescentes são levados para estas festas pela mão dos próprios pais – pessoas da minha idade! E eu não sou moralista…Grande abraço.

    Gostar

  3. O vosso tempo já lá vai, actualizem-se "cotas"!É pena ainda Portugal não ter aderido.Sempre ouve festas menos normais, por exemplo raves de trance e ninguem teve problemas com isso, quem quer vai quem não quer está calado em vez de julgar os mais novos! Por vocês terem tido uma juventude de mer** a namorar à janela, todos os dias o mesmo ritual trabalho miudos casa!? Não se sentem saturados!!???ACTUALIZEM-SE "COTASSS" 😀 Não venham dizer que a malta jovem não tem nada na cabeça! Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades !!!PS- Não tenciono ofender ninguém, simplesmente sou livre como vocês de dar a minha opinião. Se acham que uma skin party é do hardcore então não conhecem nada deste mundo…. Um dos melhores festivais de trance do mundo "boom festival" é feito em portugal (idanha nova), maior parte do público é estrangeiro. Experimentem se informar ver imagens e vão ver o que é boa festa, só hippies(60-70) do vosso tempo. ZIMBORAAAAAAAAAA!!O mundo como está já acredito em quase tudo, deviam fazer o mesmo e perceber que quando vêem algo chocante, em algum lado haverá algo bem pior. Quanto às novas gerações tenho a dizer que andam meios "malucos" mas na verdade sempre foi assim, já do tempo da minha avozinha, faziam era tudo às escondidas!! abraços de um jovem curioso.

    Gostar

  4. Anónimo fico contente por aqui apresentar a sua opinião. Pena não colocar o seu nome.A publicação foi escrita por mim, ainda não "cota". 🙂 A preocupação dos intervenientes centraliza-se sobretudo na falta de afetos,norteada pela embriaguez quando se forma uma personalidade. Dos movimentos dos anos 60, para além da música, o que restou?…Abraço.

    Gostar

  5. Boas, o meu nome é Diogo.Quando nós queremos apenas divertir-nos, beber uns copos com a malta ouvir umas musicas dançar etc… Quem precisa de afecto estando todo alterado!? As meninas conseguem transmitir todo o "afecto" do mundo apenas por uma noite, são esses os ideais da nossa sociedade.Lamento desapontá-lo senhor Paulo.Não é que queira ser assim para o resto da minha vida, mas neste momento é assim que gosto de estar presente na sociedade, devido a uma constante de tudo o resto. Tudo o que as pessoas pensam, mal ou bem, só serve para melhorar a minha auto-estima. Estamos em constante mudança, hoje são as skins, amanhã é outra coisa qualquer. Um dia que tenha filhos, não me agrada que participem neste tipo de eventos, mas se for da vontade deles, impedir não serve de nada, desta maneira sou alvo de mentiras "ai vou dormir na casa de um amigo e tal…" vamos a ver estão todos malucos em uma festa, sinceramente prefiro saber do paradeiro dos meus descendentes.No fundo o que queria, era divertir-me com moderação e mesmo assim ter os meus afectos orientados, mas na actual sociedade não é fácil manter uma relação prospera e sincera, como referi anteriormente "Mudam-se os tempos mudam-se as vontades!"Mas acredito que as maluqueiras passam com a idade e um dia vou ser tal e qual o que tiver que ser :)! PS- *correcção do erro da mensagem anterior=(ouve)-houve.Abraço Diogo Antão

    Gostar

  6. Olá Diogo.Uma vez mais agradeço o seu testemunho. Assim deviam ser os blogues caso nós, portugueses, não fossemos preguiçosos na expressão escrita de emoções e ideias.Algo que concordo em absoluto é a descrição que faz acerca da nossa sociedade. O mesmo se aplica a muitas proibições.Abraço

    Gostar

  7. Boa tarde,Na minha opiniao estas festas, tal como outras tornam-se perigosas para quem as vive simplesmente por uma questao de cosnciencia, a droga abunda e anda de mao dada coma irresponsabilidade. Reporto-me aos casos de transmissao de HIV, hepatites e afins… Mas a verdade e que quem esta nestas festas quer e CURTIR, o amanha logo se ve, alias… Se a droga e o alcool sao ingridos ate cair, nao se ve NADA… Nao se vive nada… Mas recebe-se muito. Ao primeiro dia somos corajosos porque fo**mos a miuda X, cheiramos uma linha de coca e so queriamos era subir paredes, apos um mes, demos mais uma queca com outra/o que nao conheciamos. So se soube que tinha cabelo comprido e falava grosso… Continua-se a boa vida e apos um ano continuamos os maiores e com amigos BUE de fora e ADIVINHEM: PASSADOS 10 ANOS ganham a coragem para irem para um centro de desintoxicaçao… Sao seropositivos e conseguiram manter DOIS dentes, que diga-se de passagem estao muito bem tratados, e pena a distancia que os separam, o figado ja nao existe e cagam diarreia 24h sobre 24horas. Parabens por serem fixesEm suma,Desfrutem a juventude que bem a merecem, apreciem-na e mantenham-se a margem dos excessos que vos desligam do Mundo. Conselho de quem ja fumou charros,ja teve as suas noites de moca e se viu de punhos cerrados para largar o vicio do tabaco aos 26anos mas felizmente conseguiu.

    Gostar

  8. Boa tarde,Na minha opiniao estas festas, tal como outras tornam-se perigosas para quem as vive simplesmente por uma questao de cosnciencia.A droga abunda e anda de mao dada com a irresponsabilidade. Reporto-me aos casos de transmissao de HIV, hepatites e afins… Mas a verdade e que quem esta nestas festas quer e CURTIR, o amanha logo se ve, alias… Se a droga e o alcool sao ingridos ate cair, nao se ve NADA… Nao se vive nada… Mas recebe-se muito. Ao primeiro dia somos corajosos porque fo**mos a miuda X, cheiramos uma linha de coca e so queriamos era subir paredes, apos um mes, demos mais uma queca com outra que nao conheciamos. Mas se aparecer alguem a alegar que aquela criança e nossa dizemos logo: "Estas com uma oura amiga! Essa droga e mesmo da boa"Continua-se a boa vida e apos um ano continuamos os maiores e com amigos BUE de fora e ADIVINHEM: PASSADOS 10 ANOS ganhamos a coragem para ir para um centro de desintoxicaçao… Somos seropositivos e conseguimos manter os DOIS dentes que nos sobram, que diga-se de passagem estao muito bem tratados.. Pena a distancia que os separam, o figado ja nao existe e cagamos diarreia 24h sobre 24h pois o estomago ja nao aguenta. Que fixe!!!Em suma,Bem sei que muita desta gente quer ter delirios momentaneos, experenciar algo diferente… Mas importante lembrar que cada vez que que se ingere drogas e alcool nao somos nos, somos o zoombie que ha em nos, incapaz de mostrar afecto, carinho, amizade. Conseguimos por outro lado ir buscar o que temos de pior, egoismo, ausencia de amor pela vida…Desfrutem a juventude que bem a merecem, apreciem-na e mantenham-se a margem dos excessos que vos desligam do Mundo. A medida que crescemos ficam as memorias do que vivemos e sao elas que nos acompanham pela vida.Talvez seja um pouco lamechas, mas toda a gente gosta de receber um abraço quando esta triste ou desesperado nao e? Entao talvez toda a gente goste… nao de ser lamechas… mas de receber carinho e para receber carinho, alguem tem que o dar!

    Gostar

  9. Filipe,peço desculpa por só agora responder. De início, não o fiz por razões de saúde associadas a intenso trabalho ao que depois se juntou desleixo que conduziu ao esquecimento. Ainda não compreendi muito bem porquê mas esta é a minha publicação mais lida. Hoje decidi relê-la. É muito pertinente o seu comentário. Revela maturidade.Na verdade, quantos são os seropositivos com aspecto normal e saudável? Do que é capaz um autobronzeador ou alguma maquilhagem?… A Sida existe e não a podemos abnegar. Os nossos atos devem sempre ter em atenção as respetivas consequências.Um abraço e uma vez mais, o meu pedido de desculpa.

    Gostar

Deixe a sua opinião.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s