Este medo que há em mim

diário

 1239491_232260796925520_721247773_n

Este medo que me percorre, invade e imobiliza…

A entrega sitiada pelo pavor da perseguição, pautada pelas facas profundamente cravadas por um semelhante.

 

Receio a dor.
Temo a sua intensidade, dado  o  oxigénio e a energia que consomem.

 

Procuro-te na noite.
Mas é a solidão quem se insinua nas páginas que se perdem no livro da eternidade. E assim, faço parte do tudo que afinal não é nada.
Anúncios

4 thoughts on “Este medo que há em mim

  1. O medo não passa de um pensamento, de uma idéia. Na verdade ele não existe é fabricado por nós próprios. Por isso, afasta-o da tua mente, manda-o embora, diz-lhe simplesmente: "eu não tenho medo". Quanto à solidão: Tu nunca estás só, em primeiro lugar tens-te a ti próprio; depois, Eu estou sempre contigo, meu querido Amigo.Aquele abraço.José

    Gostar

Deixe a sua opinião.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s