educação

As Escolas estão doentes

    As Escolas estão doentes, dada a desvalorização dos seus atores principais, as incumbências assumidas, mas que não são suas; as fragilidades de um ministério, um orçamento de estado e políticas “elitistas”; programas curriculares inóspitos, fruto dos prazeres e devaneios, entre quatro paredes; a falta de democracia e liberdade, estabelecidas por uma hierarquização nem sempre percetível…

    As Escolas estão doentes, ao promoverem bailes de máscaras e disfarces, numa paz podre que derrama o veneno naqueles que se mantêm fieis aos seus princípios e valores; o que implica consequências na Saúde. 

    As Escolas estão podres, uma vez que os Vampiros sugam as diferentes seivas, enquanto os cleptoparasitas sitiam a essência, num fanatismo dúbio e as cobras dançam, em redor da fogueira de um estranho processo inquisitório. O regozijo perante o desmoronamento social e da esfera dos valores.  

    As Escolas estão podres…

artigo, opinião

Esta Liberdade

25 de abril - dia da liberdade

Liberdade utópica, confundida com democracia. No nosso país, no domínio político, gerou vampiros.

O povo, esse há muito, já não é “quem mais ordena”

artigo

Do séc. XX – A long december

      Naquele dezembro, a chuva ousou despertar pedaços da nossa juventude. Tímidos, por aquela avenida, o receio de dar a mão, do toque, do beijo desprevenido, …

      Os ventos deambularam pelas armas das árvores, hirtos e resilientes. Quanto a nós, o oposto. Somente sentíamos as carícias, enquanto sonhávamos. Um olhar, um sorriso, as pernas “bambas” e os sonhos desencontrados. Novelos de lã que erradamente deixamos outros tecer. A história, essa deu continuidade a novos episódios, enterrados na fragilidade das memórias.

 

artigo

Do séc. XX – Mr. Jones

      Das tardes com fragrâncias italianas, repletas de algum receio face a exercícios de matemática cuja componente teórica não fora explicada. O saltitar de café em café. Naqueles tempos, naquela cidade “imaculada”, rapazes e raparigas não podiam partilhar a mesma casa, para estudar. Como se…

artigo

A série Special – uma abordagem diferente à Paralisia Cerebral

Special - Season 1

 

      Na sua 1.ª temporada, lançada a 12 de abril deste ano, com 8 episódios de apróximadamente 15 minutos/cada, Special é uma série de humor, baseada no livro semiautobiográfico I’m Special: And Other Lies We Tell Ourselves (O’Connell, Ryan : 2015). Além de autor, Ryan é também o ator principal, autor, produtor e roteirista.

     Portador de paralisia cerebral (PC), num grau entre o leve e o moderado, Ryan revela competências no seu comportamento adaptativo, socialização e mentais. Homossexual, a sua principal dificuldade está em aceitar a sua deficiência.

      Temas pertinentes e pouco usuais norteiam a série: a sexualidade na deficiência, a auto-aceitação, os outros e a deficiência, as mães/cuidadoras,… Ingredientes suficientes para “espreitar” este momento, cujo trailer encontra aqui. Uma série não recomendada a xenóbofos, racistas e todo um conjunto de atributos que resumo à primeira por mim mencionada.

artigo

Do séc. XX – If You Believe

      Acreditar.

      Acreditar nem sempre é fácil. Por vezes, implica uma condição social e económica. De qualquer maneira, envolve resiliência. Aquela à qual não pude recorrer, fugindo e escondendo-me entre máscaras, diluindo-me na triste condição profissional. Não fui capaz de ultrapassar fronteiras, mover mundos, renovar-me e aceitar-me.

      Em mente, um só objetivo. Como se depois de alcançado, tudo não voltasse ao vazio de sempre (sim, agora sei). Sem me aperceber, esqueci aquele toque das noites frias, aquela mão, as estrelas e o abraço apertado. Os becos, a ousadia. Julgava ter todo o tempo do mundo. Só que, o tempo passa e nem sempre o acompanhamos, restando aquela veia de esperança frustrada. 

 

    Da banda sonora desta etapa, consta  este momento musical.

artigo

A série Luther

Luther

      Luther é uma minissérie policial, da BBC, desenvolvida em 5 temporadas. Em Portugal, está disponível na plataforma Netflix.

      Com um excelente leque de atores, liderado por Idris Elba, nem só de perseguições vive esta trama. O inspetor Luther é um ser complexo, como muitos de nós, repleto de fantasmas e de suma impulsividade. A componente psicológica do personagem alimenta os pontos de ataque desencadeados por alguns inimigos, dentro da própria estrutura policial, movidos pela inveja. Porém, a sua genialidade sobrepõe-se a qualquer ser mal intencionado. Veja os trailers da primeira e da  5.ª temporada.

artigo

Sr. Ávila – uma série insólita no mundo do crime organizado

Sr. Ávila

 

    Tony Dalton dá vida ao Sr. Ávila, uma série e produção original da HBO da América Latina e um sucesso mexicano.
      Recomendada para maiores de 18 anos, esta série e respetivas 4 temporadas, com um genérico magnífico, qualidade cinematográfica, fotografia, luz, adereços, sonoplastia, … não deixam ninguém indiferente ao mundo do crime, ao lado sádico e insensato que a caracterizam.

 

      Para a família, Ávila é um vendedor de seguros. Na realidade, o seu universo consiste em matar outros à la carte, como membro de uma organização que mais tarde liderará. A vida familiar não é compatível com o mundo do crime. A certa altura, Ávila passará de agente a elemento a abater,  num mundo regido por regras inusitadas, sem lugar ao perdão.

 

Trailer da T1 , T2, T3 e T4.